Marcio Pauliki - Compromisso com você
Facebook Twitter Instagram

Pauliki confirma mutirão de órteses e próteses nos Campos Gerais

Compartilhe nas redes sociais:

14/04/2021

Em audiência com a equipe da Secretaria Estadual de Saúde, realizada na manhã desta terça-feira (07) na Assembleia Legislativa do Paraná, o deputado estadual Marcio Pauliki confirmou que a região dos Campos Gerais será contemplada pelo mutirão para o fornecimento de órteses e próteses pelo Sistema Único da Saúde (SUS). Na oportunidade, o deputado Pauliki entregou um ofício solicitando a realização do mutirão na região ao diretor geral da Secretaria, Sezifredo Paz, e ao superintendente de gestão de sistemas de saúde, Paulo Almeida. Pauliki mostrou a necessidade que muitas pessoas passam pela falta de órteses e próteses. A solicitação foi prontamente atendida pela pasta e, nos próximos meses, será implantada no Hospital Regional dos Campos Gerais. “Agradeço pelo pronto atendimento da equipe da Secretaria de Saúde. Em breve, esse mutirão será lançado em Ponta Grossa com a presença do secretário estadual, Michele Caputo Neto”, afirmou o deputado. Segundo ele, os Campos Gerais possui uma fila de espera muito grande por órtese e prótese nessas regiões. “É preciso que a população dessas localidades seja contemplada com o serviço”, ressaltou Pauliki. No mês passado, o governo estadual anunciou um mutirão para o fornecimento de órteses e próteses pelo SUS na região de Paranavaí, que contempla 28 municípios. Hospital de Telêmaco Borba Na mesma audiência, o deputado estadual Pauliki ainda confirmou que o Hospital Regional de Telêmaco Borba já está com todos os equipamentos comprados pela Secretaria Estadual de Saúde. Além disso, dos R$ 9,8 milhões que necessitavam para finalizar as obras do hospital, o governo estadual já pagou R$ 2,8 milhões. “Enfim, o Hospital Regional de Telêmaco Borba está em vias de ser inaugurada, o que trará um benefício enorme à população”, salienta o deputado. Ambulâncias Durante a audiência, Pauliki também cobrou o governo estadual para que novas ambulâncias sejam encaminhadas ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Ponta Grossa. Em visita recente, o deputado constatou da necessidade de renovar a frota das ambulâncias. Hoje, o custeio do SAMU é realizado 50% com verbas federais, 30% estadual e 20% municipal. A equipe do Samu realiza cerca de 200 atendimentos diários de apoio médico externo de urgência e emergência. Leia mais: http://www.diariodoscampos.com.br/geral/2017/03/pauliki-confirma-mutirao-de-orteses-e-proteses-na-regiao/2337131/

Leis criadas e aprovadas